Eu nunca pensei que esse dia fosse chegar, mas ele chegou e sinto que preciso fazer isso. Não foi uma decisão fácil, fiquei tentando adiar o máximo possível, mas infelizmente não consegui. Começo pedindo desculpas por fazer isso sem aviso prévio, não era minha intenção, mas simplesmente não consigo! O bloqueio não vai embora e não é um bloqueio qualquer, estou passando por alguns problemas e estou em conflito comigo mesma. Sou uma garota de 19 anos e não faço ideia do que fazer da minha vida, nada acontece e por mais que eu tente, sempre acaba do mesmo jeito. No meio disso tudo surgem as cobranças das pessoas e por mais que elas tentem disfarçar, estão dizendo: "Garota, faça alguma coisa da sua vida!" Eu também me cobro, estou cansada de sentir como se estivesse fadada ao fracasso. Cansada de pensar na minha vida e sentir que tudo é uma grande conspiração para que eu quebre minha cara de novo e de novo. Cansada de decepcionar as pessoas! Eu não posso e nem quero decepcionar ninguém, por isso estou me afastando. Não quero que pensem que não me importo, eu me importo, mas não estou conseguindo escrever e eu amo fazer isso, amo mais do que qualquer outra coisa no mundo! Não quero fazer nada de qualquer jeito, nada menos do que perfeito, vocês merecem algo realmente bom. Quero que saibam que não é um hiatus permanente, vou tirar esse tempinho para estudar e correr atrás de algo para o futuro. Voltarei assim que for capaz de escrever algo novamente, quando sentir que esse fardo está menos pesado e... Acho que é isso, me desejem sorte! Amo muito vocês e arrisco dizer que já sinto saudade. Com amor, Jéssie.

31/10/2014

13 Things About Me

trabalhando no prólogo, pois quero que ele fique bom.
estou com bloqueio, então... me desculpem, o.k? :(


1. O que você mais gosta de fazer? Escrever e Dormir rsrsrs'

2. O que você mais ama no mundo? Minha família e isso inclui vocês... vocês são minha 2ª família! :)

3. O que mais gosta em si própria? Vou falar duas coisas pq sou rebelde, meus olhos e minhas covinhas nos cantos da boca.  

4. Se pudesse mudar apenas uma coisa em você, o que seria? O fato de ser tímida, MUITO MESMO!

5. Signo? Libra, por isso sou romântica ao extremo! 

6. Qual seu pior defeito? Hm... ser tímida :(

7. O que não vive sem? Música e livros. 

8. Acredita em Deus? Sim.

9. O que acha que seus amigos pensam de você?  Palhaça e louca por Demi Lovato! 

10. Se fosse um animal, qual seria? Um pássaro, voar voar... subir subir' kkk

11. Qual foi o melhor momento da sua vida? Quando eu criei esse blog, AEEEW' o Paradise, vocês... trouxeram luz pra minha vida novamente e eu voltei a sorrir, sem mais! O/

12. Qual foi o pior momento da sua vida? Quando eu me dei conta de que sofria bullying, pois eu era bem novinha ( 5 ou 7 anos de idade ) e pra uma criança enfrentar tudo isso sozinha é realmente muito difícil!

13. Seu maior sonho/desejo? Encontrar meu grande amor! 


**

é isso ai, galerinha... eu volto logo, prometo'
perdi um seguidor, doeu na alma agora :( mas o que posso fazer? 
nem Jesus agradou a todos. 
posso dizer que o epílogo será marcado por flash backs dos melhores momentos :)

 

happy halloween, bitchs O/

27/10/2014

Capítulo 30 + Leiam Notas Finais, o.k?

sigam e persigam essas divas     


          Demi apertou a mão de Joseph, ele se virou para ela com fogo nos olhos! Ela o olhou com ternura desarmando-o completamente e assim disse:  Vai com calma, por favor.
 O.k.  Ele respirou fundo. Demi soltou sua mão e cumprimentou a todos, inclusive Nick. Ele parecia estar surpreso com o fato de Joe estar enxergando! Levantando-se do sofá ele se aproximou de Joe e nesse momento todos olharam para ele.
 Ei, cara. Posso falar com você?
 Claro, vamos pra cozinha.  Joe disse com os braços cruzados caminhando na frente para a cozinha. Nick o seguiu com as mãos enfiadas nos bolsos e cabeça baixa, ele sentia algo o corroer por dentro e isso se chamava culpa!

 Eu nem sei por onde começar.
 Quem sabe pelo começo?  Ele deu de ombros.
 Desculpe-me por ser um completo idiota com você e fazer da sua vida um inferno! Estava obcecado por reconhecimento, admito.  Suspirou.  Acho que extrapolei.
 Você acha?  Joe perguntou ironicamente.
 Eu tenho certeza.  Ele assentiu e fez um gesto com a mão para que ele continuasse.  Depois da minha ultima visita, Olivia rompeu comigo e disse que precisava aprender a amar minha família primeiro para depois ama-la. Eu me recusei de primeira e cheguei a pensar que não precisava mais dela! Foi um erro, assim como tudo. Então, eu passei um bom tempo pensando por recomeçar minha vida... já que eu tinha ferrado com tudo! Todos os meus pensamentos se voltaram pra você, cara.  Nick sorriu sem mostrar os dentes.  Mas eu...
 Também se recusou?
 Sim.
 Até agora?
 Até agora.  Joe encostou-se na bancada e assentiu, ele queria ouvir mais.

 Eu assisti o noticiário e pensei você, de novo. Bem, por isso eu vim. Mamãe queria me chutar daqui, ela ficou muito brava comigo por causa da ultima vez, sabe? Mas, Eddie disse que seria bom termos uma conversa.
 Cara, eu desculpo você.  Joe se aproximou do irmão e sorriu.  Guardar ressentimento não faz bem, Demi me ensinou isso.  Eles se abraçaram.
 Obrigado, cara.
 De nada, mas se você levantar a voz daquele jeito pra minha mulher outra vez... o bicho vai pegar!  Nick riu.

**

          Eles voltaram abraçados e rindo para sala, como bons irmãos.
          O almoço correu bem e todos conversaram enquanto saboreavam o deliciosa strogonoff que Denise preparara com muito capricho. Depois de lavarem a louça, Demi e Joseph voltaram para sala onde os outros esperavam por ele.  Bem, Joseph precisa conversar algo muito sério com vocês.
 Você está grávida?  Eddie disparou sem conseguir se controlar, Dianna lhe deu uma cotovelada de leve e Madison riu baixinho.
 Não, eu não estou grávida.  Demi corou, percebendo o olhar esperançoso dos pais de Joseph e Sarah sobre ela.
 Eu preciso voltar pro trabalho, mas não sei se devo voltar assim como estou.  Eles começaram a tagarelar todos ao mesmo tempo! Até Nick se levantar e interromper todos dizendo:
 É o certo a se fazer, não acham?  Começou Nick.  Acredito que se você conversar com a diretora e os alunos, o assunto não vai se repercutir tanto. Sei que você quer evitar os milhares de jornalistas que querem falar com você, mas a verdade é o melhor caminho.

**

          Nicholas pegou a bola de futebol americano e sugeriu que jogassem uma partida. Eles separaram os times e por ultimo Joseph escolheu Sarah para jogar também. As mulheres se sentaram nos degraus na varanda e ficaram assistindo a partida e também torcendo. Olivia chegou algum tempinho depois de Denise ter telefonado para ela, sentando-se ao lado de Demi, ela sorriu para Nick e acenou para ele. Eles empataram com o time de Eddie e na terceira partida para desempatar, Sarah quem pegou a bola e Joseph todo sujo, pegou a garotinha no colo e correu com ela para marcar o ponto da vitória. Demi assoviou e riu histericamente da careta que Sarah fez, agora ela estava suja também.  ECAAA!  Ela mostrou a língua.  Papai, você me sujou!  Eles riram.  
 Eu também te amo, sabia?  Ele jogou a garotinha no ar e pegou-a novamente a abraçando fortemente.

obrigado pela ideia da disputa aliceela me inspirou a escrever momento a seguir <3
Um mês Depois
Salão de Festas, 08h00 da noite

          Joseph ajeitou a gravata borboleta em frente ao espelho do banheiro masculino do salão e respirou fundo. Estava nervoso, suas mãos e o coração batia rapidamente. Hoje era seu aniversário, mas o presente maior era para Demi. O que ele estava prestes a fazer era algo que anos atrás ele fez, mas agora a responsabilidade era dobrada e ele a amava de verdade! Pedir alguém em casamento é um momento mágico e ele queria que tudo corresse como planejado, sim ele havia ensaiado algumas vezes. Retirando a caixinha de veludo vermelha do bolso, ela a abril e encarrou o anel que fora de sua avó.  Deseje-me sorte, vovó.  Sussurrou e sorriu.
 Joseph, ela esta procurando por você.  Paul bateu duas vezes na porta e imediatamente ele abriu.
 Onde, Onde?  Disse rapidamente.
 Ei, filho.  Sorriu para ele.  Acalme-se, ela esta bem e esta linda.  Ele suspirou aliviado.
 Eu estou calmo, quem disse que estou nervoso? Vamos lá!  Tentou ser otimista e abraçou o pai pelos ombros.

          Eles caminharam juntos em direção a festa, que por sinal, estava mais do que animada! A ideia de fazer um baile foi de Demi e fora sem duvidas a melhor! Joseph acompanhou o pai até a mesa dele e em seguida foi ao encontro de sua amada com uma rosa vermelha em mãos. Demi estava linda com um vestido tomara que caia azul escuro e os cabelos agora loiros presos num coque estiloso. Ela estava procurando Joe com os olhos, quando de repente foi surpreendida por ele a abraçando por trás.  Buh!  Disse ao pé de seu ouvido sorrindo.  Você está linda.  Eles ficaram de frente um para o outro e só assim Demi pode ver seu lindo sorriso.
 Obrigado, meu amor.  Sorriu para ele também.  Feliz 36 anos!  O abraçou fortemente rindo.  Estamos juntos a apenas um ano, mas eu sinto como se... estivéssemos juntos a muito tempo! Eu te amo muito e espero passar muitas datas comemorativas como essa ao seu lado.
 Não precisava tanto.  Eles se separaram e Joe sentiu suas bochechas queimarem com o olhar brilhante dela sobre ele.  Desse jeito eu vou chorar e não vai ser legal, eu tenho oficialmente 36 anos e estou ficando velho.
 Não. você não está.  Demi lhe deu um selinho e quando se afastou pode vê-lo fazendo biquinho.  Eu prometo compensa-lo mais tarde.  O tom dela foi malicioso e Joe mordeu o lábio inferior.

 Onde está Sarah?  Mudou de assunto para não ficar numa situação embaraçosa, Demi percebeu e riu baixinho.
 Ela esta na mesa com minha mãe, quer que eu te leve lá?
 Eu adoraria.  Ele sorriu e caminharam de mãos dadas até mesa, onde Joe foi recebido de forma calorosa.

**

          A festa corria de forma tranquila e agradável, depois de servirem o jantar, o DJ começou a animar a festa convidando a assim todos para a pista de dança. Joe dançou com sua mãe, sua sogra e agora terminava de dançar Boom Clap com Sarah, ela estava linda com um vestido branco com preto e os cabelos soltos.  Boom, clap you make me feel good  Sarah cantarolou sorridente para Joe.
 Come on to me, Come on to me now  Joe cantarolou o ultimo trecho e sorriu. Todos que dançavam bateram palmas, entanto Ansel anunciava uma participação especial na festa de Joe.
A seguir teremos um momento especial para todos os casais apaixonados que aqui estão, então por favor casais venham para a pista e recebam nosso convidado de honra, Ed Sheeran Demi não se lembrava de Edward ter lhe confirmado presença na festa, então estranhou um pouco sua presença ali, mas não teve tempo de pensar no motivo de sua presença... pois Joseph veio em sua direção sorrindo com Sarah.
 Aceita dançar comigo, senhorita?  Ele estendeu a mão para ela.
 Aceito.  Demi retribui o sorriso dele com outro, ele estava tão sexy.
 Ei, eu ainda estou aqui e quero dançar mais!  A garotinha cruzou os braços.
 Agora é a vez da sua mamãe, baby.  Joe olhou para ela, os olhos dele brilhavam!  Eu prometo dançar mais com você depois, o.k?
 O.k.  Sarah assentiu e sorriu vendo seu pai no palco.  Acho que vou ficar perto do palco para ver Papai Teddy cantar, eu posso?  Demi assentiu e acompanhou a garotinha sentar-se lá ao lado de Taylor. Enquanto eles caminhavam para a pista de dança, Ed falava sobre o quanto estava feliz por estar ali e agradeceu a Joseph pelo convite! Ela franziu o cenho e Joe percebeu, por um breve momento ele sentiu medo, medo de ter colocado tudo a perder.

 Tudo bem?  Ela perguntou assim que eles se posicionaram na pista de dança.
 Essa é a nossa primeira dança e eu devo confessar que estou um pouco nervoso.  Ele riu.
 Uau, suas mãos estão tremendo!
 Está tudo bem, eu garanto... não deixe que meu nervosismo bobo estrague o nosso momento.



When your legs don’t work like they used to before 
And I can't sweep you off of your feet 
Will your mouth still remember the taste of my love? 
Will your eyes still smile from your cheeks? 

And, darling, I will be loving you, till we’re seventy 
And, baby, my heart could still fall as hard at twenty-three 
I'm thinking 'bout how people fall in love in mysterious ways 
Maybe just the touch of a hand 
Oh, me, I fall in love with you every single day 
And I just wanna tell you I am

          Joseph só sabia sorrir para ela, enquanto repassava mentalmente seu discurso ensaiado a semanas na cabeça. Ela era uma mulher incrível... a melhor coisa que já havia acontecido em sua vida e que vida! Em um momento que ele se julgava incapaz de viver, ela mostrou que ele merecia sim uma vida... Demi olhou em seus olhos e em meio a um giro, disse o quanto o amava. Os olhos dele brilharam, cheio de lágrimas de alegria! Ela diminuiu a distancia de um braço entre eles, o abraçou e assim continuou dançando com ela, enquanto sussurrava algumas palavras amorosas para ele.  

When my head’s overgone and my memory fades 
And the crowds don't remember my name 
When my hands don’t play the strings the same way 
I know you will still love me the same 

          — Eu também te amo.  Ele respondeu quando conseguiu.

'Cause, honey, your soul can never grow old 
It’s evergreen 
Baby, your smile's forever in my mind and memory 

          — Você não imagina o quanto sou grato por ter você aqui comigo, Demi. Pode até estar achando estranho, eu aqui todo emotivo.  Riu.  Mas hoje eu refleti todos os meus 36 anos, pelo menos os que eu lembrei eu refleti!  Demi riu baixinho ao pé de seu ouvido.  E garanto a você que nunca me senti tão realizado em toda a minha vida, você me deu tudo... tudo o que sempre sonhei e você não imagina o quanto sou grato. Você me amou, mesmo tendo limitações e uma vontade incontrolável de morrer! Você viu em mim o meu verdadeiro eu, o homem que eu sou hoje e que naquela época estava nas sombras.  

Take me into your loving arms 
Kiss me under the light of a thousand stars 
Place your hand on my beating heart 
I’m thinking out loud 
That maybe we found love right where we are

          Eu não acho nem um pouco estranho, mas devo admitir que estou surpresa.  Demi o abraçou fortemente.  Nem sei o que dizer a você depois dessa sua linda declaração, mas... você é simplesmente um sonho pra mim, um sonho que se tornou realidade e eu agradeço todos os dias a Deus por você, você não é uma mera conquista... é uma vitória! A prova de que podemos encontrar o amor do nosso jeito.  Ela fungou, era um choro de alegria.  Não soou como eu queria que soasse, mas eu realmente não sei o que dizer. 

So, baby, now 
Take me into your loving arms 
Kiss me under the light of a thousand stars 
Place your hand on my beating heart 
I’m thinking out loud 
That maybe we found love right where we are 

           Apenas, aceite.  Ele sussurrou ao pé do ouvido dele, partindo o abraço para olha-la melhor. 

And we found love right where we are 
Oh, baby, we found love right where we are

          Quando a musica acabou, Demi olhou em volta para a pista de dança e só então se deu conta de que eles eram os únicos ali no meio. Todos os convidados estavam de pé, olhando para eles!  Oh, meu Deus!  Foi tudo o que ela conseguiu dizer. Um microfone foi entregue a Joseph e ele se voltou para ela sorrindo.  O que esta acontecendo, Joseph?
 Primeiramente, eu quero que me desculpe.  Ele sorriu.  Minha intenção não era fazer você chorar, querida.
 Eu estou feliz, apenas... feliz.  Ela sussurrou para ele.
 Como eu dizia, você foi a melhor coisa que aconteceu na minha vida e eu seria bobo se não quisesse ter você ao meu lado para todo o sempre!  Demi escondeu o rosto nas mãos, chorou e abafou um soluço.  Por favor, olhe pra mim.  Ele disse um pouco assustado com a reação dela, Demi obedeceu e sorriu largamente, ainda haviam lágrimas, mas ela não pareceu se importar com isso.  Eu me lembro de não querer vê-la na primeira vez que foi a minha casa, tinha tanto medo...  Ele riu baixinho.  Mas você fez de um um homem corajoso, capaz de enfrentar tudo e todos e...  Joe foi interrompido por palmas.  Por favor, deixem-me terminar.  Ele protestou rindo.  Eu gostaria de saber se você aceita ser minha esposa?
 Eu aceito, meu amor.  Demi o beijou apaixonadamente e novamente os aplausos e assovios tomaram conta do salão.  Ela entendeu a mãos para ele que ajoelhou para colocar o anel em seu dedo, depois de plantar um beijo nas costas de sua mão, Joe colocou-se de pé e lhe deu um abraço... tão forte e demorado, que ela pode sentir seu coração e o dele também... os dois batiam como um só.

FIM

--

não me matem, por favor. vocês não imaginam o quanto eu estou chorando agora, estou tão feliz! era pra mim ter postado esse capítulo no dia 23, mas ele não estava completo e então eu passei esses dias trabalhando aqui. sabe a sensação de dever comprimido? é isso que eu sinto. estou realizada por ter consigo escrever esse capítulo, ele ficou simplesmente maravilhoso e eu agradeço de coração a todas que acompanharam essa fanfic. respostas dos capítulos anteriores aqui | aqui | dps respondo os outros, o.k? obrigado por tudo, meus anjinhos. AMO VOCÊS! aguardem o epílogo... \O/

 

meus sentimentos, meus sentimentos... meu pobre coraçãozinho </3

23/10/2014

2 anos de Paradise!



PARABÉNS PRA VOCÊ, NESSA DATA QUERIDA... MUITAS FELICIDADES, MUITOS ANOS DE VIDAAAAA!

Segura esse forninho... DOIS FORNINHOS!
Isso mesmo meu povo, 2 ANOS de blog e eu não poderia estar mais feliz! Bem, agora eu vou fazer os agradecimentos, então... segurem-se. Primeiramente, eu gostaria de agradecer a Deus por tudo, por acordar hoje e ter a chance de estar aqui compartilhando essa alegria com vocês. Também a um filho da mãe que graças as mancadas e todo o sofrimento que me fez passar, inspirou-me a começar a escrever :) pelo menos para alguma coisa boa ele serviu. Agora, por ultimo, mas não menos importante, vocês! Muito obrigado por tudo, por cada palavra de conforto, por cada puxão de orelha, por cada safadeza e as ameaças para postar logo kkkkkkk vocês fazem minha vida uma grande aventura e sempre transformam minhas lágrimas em sorrisos. Vocês não tem noção do quanto eu sou grata pelo nosso pequeno infinito ( ah, eu precisava escrever isso... foi mais forte do que eu ) nunca vou me esquecer disso, mesmo quando tiver 80 anos! Continuem sempre sendo esses anjos abençoados na minha vida, o.k? Eu amo vocês do fundo do meu coração! 


estou trabalhando no próximo capítulo, pois quero que fique grande. 
aguardem, o.k? beijos.

19/10/2014

Capítulo 29 ( mini )

o hot se perdeu e eu não tive como reescreve-lo :(
me desculpem, o.k? prometo compensar no próximo.


Casa de Jemi, 08h00 da manhã

          Joseph acordou sentindo dores nas costas e sorriu largamente, isso tudo era resultado de uma noite quente de amor... e que noite! Ele levantou-se e fez sua higiene matinal, hoje seria um dia cheio, cheio de decisões a serem tomadas. Joe precisava decidir se contaria a seus alunos sobre sua cura ou se manteria cego para eles. Era algo difícil de decidir, pois ele pensava no assedio que poderia sofrer ou com as coisas que as pessoas da igreja falariam. Em um ano muitas pessoas continuaram questionando Demi sobre estar com ele ou vice versa... era algo que o magoava profundamente! Uns chegaram a disser que era por pena, o que aliviou as coisas foram as orações e os sermões de Eddie, era incrível como Deus parecia conspirar favor deles.

          Agora, Joe montava uma bandeja de café para Demi, mas ela o interrompeu na cozinha o abraçando por trás.  Bom dia.  Ele se xingou mentalmente por perder a oportunidade de fazer-lhe uma bela surpresa.
 Bom dia, meu amor. Dormiu bem?
 Pense em algo além de bem.  Joe riu e se sentiu envergonhado, era tudo muito novo. Ela parecia afeta-lo mais agora!  Você me trás uma paz tão grande... é como ter um pedacinho do céu.  Ele virou a cabeça pro lado e sorriu para ela. Demi ficou na ponta dos pés e lhe deu um selinho, soltando-o ela finalmente viu a bandeja.
 Parece que você acordou antes do esperado.  Comentou coçando a cabeça.  Eu queria fazer uma surpresa, mas...
 Eu estou muito surpresa, acredite.  Sorriu.  Você fez café pra mim!  Joe fez careta.
 Isso é verdade.

 Se você quiser eu posso voltar pra cama.  Ele riu.
 Não tem necessidade, apenas espero que goste do que eu fiz.
 Tenho certeza de que vou gostar.  Eles se sentaram a mesa.  Bem, o que temos aqui?
 Eu fiz toradas, geleia e suco.
 Fez geleia especialmente pra mim?
 Essa receita eu aprendi com minha vó e é realmente muito boa, fiz com morangos.  Joe explicou enquanto passava geleia na torrada para ela.

 Eu não sabia que você fazia coisas assim na cozinha.
 Faço muitas coisas, eu adoro cozinhar, mas não achei relevante contar isso.  Joe deu de ombros.  Apesar de ter mencionado algo, não sei ao certo... eu só podia cortar legumes ou nem isso, então de certa forma machucava.
 Entendo perfeitamente.  Demi disse e mordeu a torrada.  Hum... esta uma delicia!
 Ooh, estou aliviado agora.  Ela sorriu.  Posso preparar o jantar hoje, assim você poderá provar minha comida.
 Se ficar me mimando desse jeito... eu vou engordar horrores!  Riu.
 Deixe de ser boba, eu faço tudo na medida certa.
 Tenho certeza de que faz.  Ela piscou e sorriu, o canto de sua boca estava sujo de geleia. Joe esticou a mão, segurou delicadamente o queixo dela e limpou com seu dedão o canto sujo.
 Obrigado.
 De nada, amor.

 Quando eu cheguei na cozinha tive a leve impressão de que você estava pensando em algo muito importante, estou certa?
 Sim, estava pensando em como vou voltar pro trabalho. Não sei se conto ou não, sabe? Tenho um certo receio do que pode acontecer.
 Roubou-me as palavras.  Ele riu baixinho.  Eu pensei nisso, por um breve momento, mas pensei.  Ela balançou a cabeça.  Fiquei um pouco preocupada, mas ontem não era o momento de falar sobre isso.

 Eu não gosto de mentir, mas se for preciso... estou disposto a fazer isso.
 O problema é que pra uns você vai ser cego e para outros não? Vai ser um pouco confuso, entende? Acho que a melhor coisa a ser feita é decidir em família.  Ele observou-a atentamente e sorriu, poderia ouvi-la falar por horas.  Estávamos tão contentes com sua volta... que não sobrou tempo para pensar nesse ponto.
 Pode ser, podemos marcar um almoço em família.  Joe segurou a mãos dela e brincou com seus dedos.  O que acha?
 Uma ótima ideia.  Ela sorriu.

 BOM DIA!  Sarah apareceu saltitante na cozinha e eles riram da animação da garotinha. Ela correu até Joseph e ele a pegou no colo.
 Bom dia, princesa. Tudo bem?
 Tudo, papai e você?  Joe sorriu ouvindo aquelas palavrinhas, ele se sentia honrado sempre que ouvia.
 Estou ótimo.  Sarah sorriu.
 E seus olhos?
 Estão bem também, não precisa se preocupar. -Ela beijou a bochecha de Joe e em seguida olhou para a mãe.

 E você mamãe, esta bem?
 Eu estou ótima, meu amor.
 Não foi o que eu pensei.  Demi franziu o cenho.  Eu me levantei para pegar água e ouvi você gritando, você estava pedindo mais Joe mordeu os lábios contendo a vontade de rir, Demi ficou tão vermelha que se tivesse um buraco no chão.... ela esconderia seu rosto nele!
 Eu estava sonhando e não me lembro nada disso.  Ela disse rapidamente.  Você quer tomar café? Papai Jojo fez geleia.
 Quero sim!  Ela disse animadamente jogando as mãos ao alto.

Casa dos Jonas, 11h00 da manhã

          Joseph estacionou o carro ao som de Ride, musica cantada por Lana Del Rey. Ele cantara com Sarah durante quase todo o percurso, mas agora Demi desligara o som um pouco nervosa.  O que foi, mamãe?
 Eu não gostei nadinha da senhorita falando palavrão!
 Eu falei? Desculpe-me, estava distraída com o papai.
 Tudo bem, vamos descer.  Demi balançou a cabeça e Sarah desceu.
 Foi mal, querida. Eu realmente não tinha intensão de deixa-la brava com Sarah por causa da musica, o.k?
 Eu sei sei que não foi intencional, mas não quero que ela fique falando essas coisas por ai.  Joe assentiu e a beijou rapidamente.
 Vou fazer o possível para que isso não se repita, agora... melhor irmos, eles estão nos olhando.  Ele riu baixinho um pouco envergonhado.
 Vamos.

          Eles desceram, Joseph fechou o carro e eles atravessaram a rua de mãos dadas. Os pais dele estavam na varanda para recebe-los, eles se cumprimentaram e entraram na casa. Os pais de Demi estavam na sala com Sarah e... Nick Alguém me explica o que ele esta fazendo aqui?!

--

desculpem, o bloqueio me pegou desprevenida! 
sem contar a palhaçada que o blogger fez comigo de deletar meu capítulo e meu hot...
estou furiosa até agora, o.k? mas acredito que o que esta por vir é ainda melhor, pelo menos eu espero que seja. sim, o nick voltou e eu ainda preciso pensar no que vai rolar no próximo! espero que tenham gostado desse mini, o.k? sei que é pouco, mas é de coração. eu não aguento ficar sem postar pra vocês, sério... eu pensei que ia pirar esse dias! amo vocês, meus anjinhos. beijos até o próximo'