26/05/2017

Broken Frame: Capítulo 27 • Hope Festival II


mil perdões pela demora


          Demetria usou o camarim de Joseph para se arrumar, ela havia encomendado um figurino novo especialmente para isso e estava ansiosa. Ouviu os gritos dos fãs chamando por ela, eles estavam bastante animados! Sua banda já tocava os primeiros acordes da música Confident quando ela surgiu no palco e os fãs gritaram histericamente. Demi cantou três músicas e antes de terminar resolveu dizer algumas palavras:  Vocês estão se divertindo?  Gritos e mais gritos animados  Muito obrigada por prestigiarem esse festival incrível! Essa é a primeira edição de muitas outras e é uma honra pra mim estar aqui hoje. Meu marido, por favor, palmas para Joseph Carpenter...  Eles aplaudiram  Se esforçou muito para que esse festival fosse possível e o admiro muito pela dedicação que teve em trabalhar nisso, não por ele, mas por tantas pessoas que precisam de ajuda. Obrigada por estarem aqui e contribuírem para que esse sonho se realize cada dia mais! Amo vocês.  Ela finalizou o discurso cantando For You e quando terminou saiu do palco sendo acompanhada pelo barulho das palmas.

          Demi entregou o microfone ao assistente de palco, ele lhe entregou um sobretudo e ela agradeceu vestindo o casaco, estava esfriando. Ela seguiu caminhando pelo corredor, mas parou em frente ao camarim de Nicholas escutando a voz elevada do amigo! Ele parecia estar brigando com alguém, mais quem seria?  O que aconteceu?  Nick insistiu em saber  Entendi que não foi me ver por ter caído da escada, mas não parece ser só isso! Alguém fez algo ruim pra você, Selena? Pelo amor de Deus, diz alguma coisa!  Selena havia travado, nenhuma palavra saia de sua boca. Os punhos estavam cerrados com força, suas unhas machucavam cada vez mais as palmas da mão, mas ela não sentia nada. Nenhuma dor. Nada!  Joseph, você sabe de alguma coisa? Por isso está aqui?  Demi aproximou-se da porta ao ouvir o nome de Joe ser pronunciado.
 É melhor sentar.  Nicholas sentou-se inquieto.
 Selena, conte pra ele.  Joe incentivou e trocou olhares com ela, ela quem deveria contar.

 Eu... eu... estava... eu estava... grávida.  Selena disse baixinho, mas o soluço que escapou pela garganta dela foi alto e ali ela desabou. Chorou diante de Nicholas que tinha escutado e entendido perfeitamente o que ela disse!  Eu descobri no dia... no dia que você viajou, mas queria fazer uma surpresa. Vim ensaiar, Joe estava aqui e queria falar com ele, fazia tempo que não nos falávamos. Entende? Mas eu acabei escorregando, cai rolando pela escada que era bem maior do que aquela que colocaram lá e sangrei bastante.  Nicholas se levantou e começou a caminhar de um lado para o outro enquanto ela falava. O ar parecia estar se comprimindo naquela sala! Cada vez mais difícil de respirar, ele sentia como se o mundo estivesse desabando em cima dele.  Joe veio me ajudar, ele... ele me levou pro hospital e quando me contaram que havia perdido nosso bebê, eu fiquei devastada! Foi horrível, ainda é horrível e não queria ter que te contar isso por telefone.  Quando ela terminou de falar, Nick parou de andar e encarrou ela. Seus olhos estavam repletos de lágrimas, Joe assistia tudo sem conseguir se mover ou dizer alguma coisa.  Eu sinto muito por isso ter acontecido, foi tudo... tudo culpa minha!

          Demi deu um passo para trás, seguido de mais outros e encostou-se na parede. Então era de Selena que Joseph estava falando e não dela! "Você não entende, ela... ela é uma pessoa muito boa e não merecia!" Sentiu o coração apertado no peito, não conseguia acreditar que tinha deixado Joe passar por tudo aquilo sozinho. "Ela não merecia o aconteceu e sabe de quem é a culpa? A culpa é toda minha!" Ele se culpava e por isso reagiu daquela forma, como pode ser tão cega? Despertou de seus pensamentos, ao ouvir os gritos de Selena.  NICK, LARGA ELE!  Demi não sabia de onde tinha tirado forças, mas empurrou a porta e arregalou os olhos ao ver Nick batendo em Joe. Tapas, socos, chutes e Joseph não se defendia.
 Tire suas mãos dele!  Demi tentou puxa-lo, mas ele se desvencilhou fazendo-a se desequilibrar nos saltos e quase cair no chão. Selena chorava diante da reação do marido, sabia que ia ser difícil, só não imaginou que ele seria capaz daquilo!

 É TUDO CULPA SUA, JOE!  Demetria saiu no corredor e viu Kevin vindo com Paul e Eddie, eles conversavam animadamente sobre algo. Atrás deles Dianna, Denise e Danielle.

 Ele esta fora de controle, ajudem!  Demi disse ofegante apontando para dentro e eles entraram apressadamente. Ela entrou logo atrás e viu a joelhada que Nicholas deu na altura do estomago de Joe fazendo-o cair no chão! Paul e Eddie o seguravam agora, ele se debatia para se soltar.

 Joseph, você está bem?  Kevin ofereceu apoio para que Joe se levanta-se. Joseph aceitou e se levantou ainda tossindo, não esperava que Nick fosse agir assim, mas entendia o lado dele. Por isso não se defendeu, tinha plena certeza de sua culpa!

 O que está acontecendo aqui?  Paul quis saber. Dianna estava tentando consolar Selena, ela chorava e não conseguia dizer uma única palavra! Danielle tentou se aproximar de Joe para ver se Nick tinha feito algum machucado nele, mas ele negou e ela não insistiu em se aproximar. Denise revesava o olhar entre os filhos, Selena e Demi, tentando entender o que diabos estava se passando ali!

 Você deveria ter me ligado, Joe. Me soltem!  Eles soltaram, mas permaneceram ao lado dele. Nick continuou de pé ali, as lágrimas escorriam sem parar por suas bochechas, mas a raiva que sentia era nítida.  É minha esposa e o filho era meu... MEU! Você não tinha o direito de esconder isso de mim, mas o que eu poderia esperar vindo de você? Ah Joseph, eu te desprezo... te desprezo com todas as minhas forças!  Ele tentou avançar novamente contra o irmão, mas seguraram ele outra vez.  É tudo culpa sua, unicamente sua! Você não é capaz de fazer nada sozinho, sempre tem que nos envolver na sua vida e veja só o que aconteceu. Tudo começa com algo bom, mas você fode sua vida e acaba fodendo com a vida dos outros também!

 Nicholas, você não sabe o que esta dizendo. Fica calmo!  Demi tentou argumentar e ele se virou lançando um olhar de ódio sobre ela.
 Quem é você para se entrometer? Você e Joseph são a maior mentira que existe nessa sala!  Os olhares foram dele para ela e para Joseph. O que assustava Demetria não era a reação de Nicholas e sim Joseph, ele não expressava nada! Aquilo não era normal, não para ele.

 Eu exijo saber o que aconteceu, sem meias palavras!  Denise encarrou os filhos com lágrimas nos olhos, odiava vê-los brigar daquele jeito.
 Selena estava grávida, ela perdeu o bebê.  Ele fez uma pausa, aquele noticia causou novamente impacto naquela sala!  Joseph sabia de tudo, sabia e não me disse nada.

 E por isso está dizendo esse monte de merda?!  Kevin disse sem esconder a decepção na voz  Nicholas nós entendemos o quanto isso deve estar sendo difícil, mas você não percebe o que está fazendo?
 Sinceramente, vá se ferrar!  Nick soltou-se, desviou o olhar de Kevin e voltou a encarrar Joe outra vez.  Nada era mais importante pra mim do que minha mulher e meu filho, Joseph. Se ele está morto agora é por sua causa! Você é um fraco, sempre foi e sempre será... é por isso que eu te odeio. Eles podem de defender com unhas e dentes, mas no fundo você sabe que é culpado! E sabe o que mais eu odeio? O fato de não se importarem com minha dor. É sempre Joseph pra cá, Joseph pra lá, precisamos ajudar o Joseph... Pela primeira vez se trata de mim e não de você!

 CALA A BOCA!  Todos se assustaram com o grito que Selena deu e Nick virou-se para encarra-la.  Não percebe o que está fazendo? Perdeu o filho e agora quer perder o irmão também? Você está sendo ridículo e se quer saber, está fazendo desse momento o pior da minha vida! Esse não é o Nicholas que eu conheço, não é...
 Selena, tente entender...
 Ele não tem culpa! Eu escorreguei, foi um acidente... pare, por favor, pare.  Ela soluçou e Danielle lhe abraçou de lado.

 Ele tem razão.  A atenção de todos foi para Joe quando ele pronunciou essas três palavras. Demi o encarrou incrédula! Como ele podia concordar com o que Nicholas tinha acabado de dizer?  É culpa minha, tudo culpa minha!  Ele disse aquilo num tom de voz frio e cortante  Mas o que eu podia fazer? Ela estava bem ali diante de mim, sangrando e gritando de dor. O que você queria que eu tivesse feito, Nick? Queria que eu tivesse cruzado meus braços enquanto assistia aquela desgraça acontecer bem diante dos meus olhos?! Foi um dos piores momentos da minha vida.  Joe suspirou pesadamente  Selena é minha melhor amiga, quando as coisas ficaram difíceis ela cuidou de mim e eu cuidei dela. Sabe como eu me senti? Ver tudo aquilo acontecendo e não poder fazer nada? Eu me senti um completo inútil! Não tive coragem de encara-la quando soube da perda, pedi carona para Alycia, voltei pra casa e morri um pouco ali. Eu não imagino a dor que deve ser perder um filho, mas acredite... não gostaria que isso tivesse acontecido com vocês! Vocês dois são pessoas boas, as melhores pessoas que conheço e não mereciam isso. Se eu pudesse ter feito algo, eu teria feito... teria feito qualquer coisa, mas eu não pude! Você me bateu, me xingou e me humilhou por achar que não estou machucado, mas eu estou... estou profundamente machucado, mas não sei se algo mais pode sair de mim agora.  Joe deu de ombros  Já faz uma semana que tento lidar com isso, não durmo, não consigo completar uma refeição... eu só me arrastei até aqui para que esse festival acontecesse. Então você pode até me culpar ou dizer qualquer outra merda, mas não me chame de fraco!

 Joseph...  Kevin tentou se aproximar, mas ele recuou.
 Eu não estava brincando quando disse que ele tem razão! Essa dor é dele, dele e da Selena, eles merecem os cuidados.  Apontou  É por isso que eu vou sair dessa sala agora e não quero que ninguém venha atrás de mim.  Ele disse isso e não esperou por respostas, apenas saiu.

          Todos se encarraram com certo pesar, mas Demi saiu atrás dele e assustou-se com a rapidez das próprias pernas! Aquelas botas não lhe favoreciam tanto, os saltos faziam barulho e ecoavam naquele longo corredor.  Eu disse que não queria ninguém atrás de mim!  Ele virou-se de repente e Demetria quase bateu de testa com ele.
 E desde quando eu te obedeço?  Joe deu um sorrisinho, mas ela conseguia ver através dele. Estava completamente quebrado!  Podemos conversar?

 Joseph, ainda bem que te encontrei! É sua vez de se apresentar, estão esperando por você.  Iggy sorriu para ele  Tudo bem?  Ela olhou dele para Demi e depois dela para Joe.
 Sim, eu só preciso de um minutinho para trocar de roupa.  Joseph forçou um sorriso para Iggy e voltou-se para Demi.  Conversamos depois, o.k?  Ela apenas assentiu e ele adentrou em seu camarim fechando a porta.

 O que aconteceu?
 Vamos lá fora, eu te conto tudo no caminho.

          Joseph trocou de roupa e quando terminou, encarrou-se no espelho. Agradeceu mentalmente ao todo poderoso por Nicholas não ter lhe acertado o rosto e saiu! Quando Joe pisou naquele palco e sentiu a energia do publico, ele quis chorar. Era um misto de alegria por estar ali e tristeza por tudo o que estava acontecendo! Balançou a cabeça e virou um copo de energético de uma só vez antes de começar sua apresentação. A banda que o acompanhava era formada de velhos amigos, pessoas incrivelmente talentosas e bem animadas. Joe deixou-se levar pela música e apresentou seu repertorio composto por três músicas inéditas e um medley com alguns clássicos no final. A primeira se tratava de uma música sobre ter um bom dia e não deixar que ninguém estragasse isso! A segunda era uma música sobre sua atual situação com Demi, mas não deixava de ser uma canção de amor e Demetria soube que era para ela no exato momento em que ele cantou. A terceira era uma canção divertida e um pouco mais ousada, uma de suas inspirações foi a frase dita pelo amigo "comece a viver perigosamente." Foi a música mais queridinha pelo publico! Ele conseguiu contagia-los, o refrão era chiclete e ele ficou feliz de ouvi-los cantar.  Obrigado.  Joe sorriu e o publico foi ao delírio, ele suava.  Nem consigo acreditar que estou diante de tantas pessoas num festival que eu mesmo organizei, isso é muito louco!  Riu  Gostaria de agradecer todos que diretamente e indiretamente nos ajudaram, principalmente todos os artistas que conseguiram um tempinho para estar aqui e compartilhar um pouco de esperança conosco!  Ele foi aplaudido e fez uma pausa  Ainda temos mais algumas horas de festival pela frente e espero que possam aproveitar ainda mais. Agradeço cada um de vocês...  Joe apontou para as pessoas da plateia  Por estarem aqui e compartilhar esse sonho comigo! Muito obrigado, amo muito todos vocês.  Ele saiu do palco sendo aplaudido e aclamado pelo publico! Eles gritavam "Joe, Joe, Joe" quando ele desceu as escadas, sorriu para si mesmo e balançou a cabeça ainda sentindo aquela energia.

 Papai, você foi incrível!  Sabrina o abraçou pela cintura.
 Obrigado, filha.  Joe beijou a testa da garota e retribuiu o abraço. Os filhos o rodearam e começaram a falar todos ao mesmo tempo, só pararam quando Demetria se aproximou deles e quis saber o que estava acontecendo.

 Vamos brincar, papai!  Samanta disse saltitando ao lado deles.
 Sim, vamos. Tem montanha russa aqui!  Samuel disse eufórico.
 Você não tem altura o suficiente para montanha-russa, Samuel.  Joe riu baixinho  Mas podemos ir em outros brinquedos. O.k?  Ele assentiu.

 Então todo esse alvoroço é por causa dos brinquedos?
 Papai quase não teve tempo para aproveitar o próprio festival, principalmente conosco.  Sabrina argumentou.
 E os amigos de vocês?
 Estão por ai, vamos logo!  Ela puxou uma das mãos dele sorrindo.

 Certo, vamos.  Joe sorriu e Demi arqueou uma das sobrancelhas para ele.  Depois, o.k? Eu prometo.  Ela assentiu e pegou numa das mãos de Samanta caminhando juntamente com os outros.

          Joseph e Demetria se divertiram bastante com as crianças nos brinquedos do parque. Foi uma hora que passou como se fosse poucos segundos e logo eles estavam de volta ao corredor dos camarins!  Papai, eu quero ir pra casa.  Samanta bocejou, estava cansada.
 Nós vamos, amor.  Joe afagou os cabelos da garotinha, ela estava no colo de Demi.  Eu só preciso falar com algumas pessoas e já volto.  Ela assentiu  Crianças, quando eu voltar nós vamos. O.k? Já se despeçam de seus amigos.  Eles assentiram e Joe saiu para avisar aos responsáveis pelo fechamento do parque que ele já estava indo embora. Não demorou muito e quando ele estava voltando, deu de cara com Nicholas saindo do camarim. Joe passou por ele, mas não e o encarrou e seguiu caminhando até ter o braço segurado.

 Espera, Joseph.  O tom de voz dele era mais calmo e Joe virou-se para encarra-lo.  Eu sinto muito por tudo o que disse, estava completamente fora de mim.  Mesmo não estando pronto para desculpa-lo, ele assentiu e abraçou o irmão afagando-lhe as costas.
 Tudo bem, Nicholas.
 É sério, eu...
 Já disse que está tudo bem, relaxa.  Joe partiu o abraço e tocou o ombro dele num gesto de conforto.  Vai para casa, você e Selena precisam descansar.
 Ela já foi, mamãe levou ela.

 E você ficou?
 Sim, ela disse que eu deveria reconhecer meu erro e me desculpar com você.
 Caso contrario? Imagino que ela tenha acrescentado algo.
 Caso contrario, não entraria em casa hoje.  Joe riu baixinho.

 Está bem para dirigir? Quer uma carona?
 Obrigado, mas Garbo concordou em me levar.
 Certo, eu vou indo agora.  Nick assentiu  Se cuida, Nicholas e cuida bem dela. O.k?  Eles se abraçaram brevemente outra vez e Joe saiu caminhando.

          Demetria surpreendeu-se ao chegar no estacionamento e ver o novo carro de Joseph. Ele não se importava com coisas assim, mas se ele havia trocado, algum motivo tinha. Não fez perguntas ou falou qualquer outra coisa, permaneceu em silencio até chegarem em casa! Bradley foi com eles e por isso Demi preparou o quarto de hospedes enquanto Joseph colocava os pequenos na cama.  Se divertiram hoje?  Ambos assentiram, Samanta dormiria essa noite no quarto de Samuel.
 Sim, papai.  Responderam juntos e no mesmo tom sonolento.
 Fico feliz em ouvir isso! Boa noite.
 Boa noite, papai.  Joseph beijou a testa de cada um deles e saiu.

 Ei!  Sabrina o abraçou pela cintura e sorriu  Parabéns pelo festival, papai.
 Obrigado, filha. Você se divertiu?
 Sim, foi surreal estar diante de tantas pessoas!  Sabrina disse maravilhada e Joe depositou um beijo no topo de sua cabeça.
 Acostume-se você ainda vai se apresentar para públicos ainda maiores. Você é minha pequena estrela!

 Obrigada pela oportunidade.
 Eu te amo e faria qualquer coisa para vê-la assim, feliz.  Joe sorriu.
 Eu também te amo, papai.

 Tudo pronto.  Demi sorriu para Bradley  Boa noite, rapazinho.
 Boa noite, Sra. Carpenter.  Ela depositou um beijo na bochecha do garoto e observou Joseph com Sabrina.

 Ei, vocês dois!  Demetria aproximou-se sorrindo  Não vão dormir?
 Vamos sim.  Sabrina desfez o abraço com Joseph e abraçou Demi pela cintura.  Boa noite, mamãe!
 Boa noite, anjo.  Ela beijou a testa da filha e observou juntamente com Joseph a menina se despedir do namorado e ir dormir no próprio quarto.

          Joseph caminhou para o quarto ouvindo os saltos da bota de Demi fazerem barulho atrás de si, ele estava com um turbilhão de coisas passando pela cabeça e sentia-se apreensivo pela conversa que ela queria ter com ele. Adentrou no quarto retirando a jaqueta de couro preta, a peça de roupa foi parar num canto qualquer e Joe foi até o banheiro retirar as lentes de contato. Assim que voltou, Demi o encarrou e caminhou até ele sustentando seu olhar.  Como você está?
 Bem, eu estou bem.
 Acha mesmo que vou acreditar nisso depois de ouvir tudo aquilo que você disse?  Ela cruzou os braços.

 Agora você está preocupada comigo?
 Não faça com que eu me arrependa de ter iniciado essa conversa, Joseph! Eu só... sei lá, você poderia ter me ligado.
 Não eu não poderia, não depois de vê-la sair chorando do consultório.

 Você me viu?  Demi perguntou surpresa.
 Sim e partiu meu coração, por isso não liguei. Pensei que fosse a última pessoa na face da terra que me atenderia!
 E por isso ligou pra ela?
 Você foi minha primeira opção, depois insisti ligando para Kevin, mas ele não atendeu. Alycia me atendeu e se quer saber, foi de grande ajuda! Toby levou meu carro para lavar, ele estava cheio de sangue e não tinha estomago para fazer tudo aquilo.  Aos poucos foi voltando, toda aquela angustia que ele camuflou, estava voltando e ele sentia os olhos arderem!  A proposito, quase que Alycia não me ajudou... ela disse que você tinha dito algo pra ela, o que você disse?

 Ela não te contou?  Ele negou  Como posso te dizer isso? Acho que vai me odiar, mas eu dei uns tapas na sua amiga.
 Você... você o que?  Joe arregalou os olhos.
 Isso não vem ao caso e foi apenas um tapa, voltemos a falar de você!

 Eu realmente não entendo...
 Estou preocupada com você, Joseph. É tão difícil assim entender isso?
 O que você quer que eu diga?
 Como você está se sentindo?

 E você se importa?  Ele virou-se de costas e começou a se despir. Quando Joe retirou a blusa de manga comprida que usava, Demi viu as marcas roxas contra sua pele branca. Os golpes de Nicholas!
 Eu te conheço e vi a forma como agiu naquela sala. Você ficou ali de braços cruzados enquanto seu irmão te batia e dizia um monte de merda sobre você! Inexpressivo, indiferente, frio.  Joe parou de se despir quando sentiu o toque das mãos dela em suas costas, ele se virou e encarrou Demi outra vez.  Eu sinto muito por ter passado por isso sozinho.

 Está...
 Não diga que está tudo bem, eu sei que não está. O.k? Não precisa mentir pra mim ou sustentar essa pose de durão, isso não combina com você.
 E o que...
 Me deixa terminar de falar!  Joe suspirou pesadamente e assentiu  Eu estava aqui quando você chegou naquela noite, mas estava no escuro da sala e você não me viu. Ouvi tudo o que foi dito, Alycia foi embora e vi quando desabou lá embaixo!  Ele deixou que a primeira lagrima escorresse  Ouvi quando chamou meu nome, você me chamou mesmo sem saber se eu estava ali e simplesmente fui embora.

 Eu precisava de você Ele disse num fio de voz e deu um passo para trás.
 Eu sei Demi aproximou-se novamente dele  Mas você não faz ideia de como eu estava me sentindo antes de você chegar, eu também precisava de você, mas quando vi você com aquela mulher... o modo como você estava e o modo como falou, pensei que tivesse me traído com ela.
 Você achou mesmo isso?
 Sim, achei.  Joe ficou parado por alguns instantes absorvendo as palavras dela, era informação demais para ele.

 Agora você entende o motivo de eu ter ficado tão chateado? Você não confia em mim e se você for estapear qualquer mulher que se aproximar de mim, nossa convivência vai ser algo muito difícil.  Demi o encarrou com os olhos cheios de lagrimas também  E acredite, não quero que seja assim. Eu não dormi direito essa semana, passei algumas noites em claro e tive bastante tempo para pensar. Passar toda aquela situação com Selena me fez perceber que... não quero passar por isso, não com você! Não suportaria te perder, não suportaria ver você partindo. Todos esses dias eu esperei que você voltasse, tudo o que mais quis foi ter você aqui me abraçando...  Ele respirou fundo de olhos fechados, estava tentando não desabar outra vez.  Eu quero tentar, quero muito tentar de novo e fazer isso dar certo. Tudo o que eu tenho de mais precioso e significativo nessa vida é você e as crianças.
 Eu me sinto muito culpada, não deveria ter deixado você aqui sozinho.  Demi abaixou a cabeça por alguns instantes e quando ergueu outra vez, Joe estava ali mais perto dela.

 Você está aqui não está?
 Sim, eu estou.
 Por favor, me abrace.  Demetria o abraçou forte, como quem não pretende soltar nunca mais e Joe retribuiu rodeando-a com seus braços. Ele chorou silenciosamente enquanto sentia o calor dela aquecer seu corpo e as lagrimas banharem seu peito! Afagou-lhe as costas em silencio e Demi ergueu a cabeça para encarra-lo.

 Sinto muito.
 Você já disse isso, Demi.  Ele respondeu com o tom de voz rouco, ainda afetado pelo choro.
 Não é sobre isso que estou falando.  Demi suspirou  Reconheço minha parcela de culpa em tudo o que vem acontecendo, eu admito que não fui uma pessoa facil de se lidar, mas quero tentar outra vez.

 Quer?  Joe sorriu, o semblante dele era de quem estava muito cansado.
 Quero.  Ela o beijou, um beijo calmo e apaixonado. Joe afastou-se dela, ele estava pálido e com uma expressão estranha no rosto.
 Me desculpe, não é você... juro, mas meu estomago está doendo.

 Qual foi sua ultima refeição?
 Já faz um tempo, um bom tempo.  Ele não havia almoçado, apenas tomou um lanche da tarde e desde então, apenas energéticos.
 Eu vou preparar algo pra você, o.k? Tome um banho e relaxe, já volto.
 Obrigado.  Joe agradeceu e Demi sorriu para ele antes de sair.

          Joseph sentiu todo seu corpo tremer quando a água quente entrou em contato com ele, fechou os olhos e molhou a cabeça. Seus cabelos escorreram na testa e alguns flashes da reação de Nicholas o atingiram como uma pancada! Quando ele lhe bateu, não sentiu dor, mas agora doía. Depois de se lavar, Joe vestiu o roupão e secou os cabelos com uma toalha, ele saiu caminhando em direção ao guarda roupa. Escolheu um pijama azul escuro, blusa de mangas longas e calça, vestiu-se sem pressa alguma. Ele colocou os óculos para que pudesse enxergar melhor e procurou por algum remédio para dor na gaveta do criado mudo, tomou um comprimido e bebeu um pouco d' água.  Voltei.  Demi fez questão de anunciar e encostou a porta com o pé.  Está melhor?
 Sim, obrigado.  Joe sentou-se na cama e Demi fez o mesmo colocando a bandeja ali.

 Pasta de amendoim e geleia foi o melhor que consegui encontrar, precisamos fazer compras.
 Está ótimo! Sim, eu sei.  Ele suspirou  Eu só... não tive animo para pensar em comida ou ir comprar nada, poderia ter mandando alguém, mas não estava pensando com clareza.

 Você precisa parar de se culpar.
 Eu sei que sim.  Joe deu uma mordida no sanduíche  Só não sei lidar com isso e acredite, nem tudo o que Nicholas disse foi uma grande merda. Desde quando eramos crianças eu sou assim, sempre tive essa necessidade de envolver as pessoas na minha vida e nunca, nunca consegui fazer nada sem que tivesse todos por perto! Talvez isso não seja algo ruim, mas talvez tenha sido agora. Entende? Poderia ter chamado qualquer outra pessoa, qualquer uma, mas escolhi Selena. Uma decisão que tomei foi responsável por aquilo que aconteceu com ela, Demi! Se eu não tivesse chamado ela, ela ainda estaria gravida.

 Foi um acidente, você mesmo ouviu isso da boca dela.
 Ela disse isso, mas também se culpa e isso é o pior! Olhar para ela é como reviver aquele dia outra vez e saber que poderia ter sido diferente, sei que ela sente o mesmo quando me vê...  Joe deu outra mordida, mesmo que contragosto, no sanduíche.  Por isso me livrei das roupas e vendi o carro, não suportava olhar e reviver aquele momento.

 Você se sentiu do mesmo jeito quando aconteceu aquele acidente, não foi?
 Sim.
 E como superou?  Joe olhou para ela.
 Você.  Demi arregalou os olhos  Você me trouxe paz e conforme o tempo foi passando, acabei aceitando que não era culpa minha.
 Então deixe que o tempo passe e cure essa ferida.
 Eu achava que não podia expressar mais nada e que o choro havia cessado, mas ainda tem algo aqui dentro que está me matando!

 Ei, vai ficar tudo bem.  Ela segurou uma de suas mãos e depositou um beijo nela.  Vamos para Orlando no final dessa semana e você vai relaxar um pouco, o.k?
 Você disse "vamos"? Por quanto tempo vai ficar?
 Tempo o suficiente, não se preocupe.

 Demetria, eu...
 Coma tudo!  Joe deu uma risadinha baixa e terminou de comer o sanduíche. Demi levou a bandeja até o andar debaixo, colocou tudo em cima da pia e voltou ao andar de cima. Joseph estava no banheiro escovando os dentes, ela adentrou lá e despiu-se para tomar banho. Os olhos dele percorreram cada pedacinho de seu corpo, cada curva, desde os ombros até os pés descalços.
 Vou esperar por você na cama.
 O.k, querido.  Ele saiu em seguida.

          Demetria não demorou no banho, ela ainda estava preocupada e não queria deixa-lo sozinho. Sai rapidamente, escolheu uma camisola qualquer e se vestiu. Os cabelos molhados ela secou de qualquer jeito com uma toalha, prendeu os mesmos em um coque e voltou ao banheiro para escovar os dentes. Quando voltou ao quarto, Demi viu que ele estava deitado de costas e deitou-se na cama o abraçando por trás, como ele costumava fazer com ela.  Já está dormindo?  Perguntou baixinho.
 Não, eu só...  Joe virou-se passando um dos braços em torno dela trazendo-a para mais perto  Só estava esperando você.
 Já estou aqui.  Ele lhe deu um sorrisinho fraco e bocejou em seguida.  Tente descansar um pouco. O.k?
 Você também, foi um dia cansativo.
 Eu irei, mas só depois de você.  Joseph beijou-lhe a testa e fechou os olhos.

 Obrigado.  Demi aguentou firme e manteve os olhos abertos até ter certeza de que ele estava dormindo. Ela fechou os olhos em seguida e adormeceu nos braços dele, não havia lhe dito, mas também não dormirá direito durante dias e aquela seria com certeza sua melhor noite de sono.

***

          Quando Nicholas chegou em casa, Paul estava sentado no balanço da varanda e ele não precisou dizer nada, Nick entendeu que deveria  se sentar ao lado dele e assim fez. Uma das mãos do pai tocou seu ombro e ele disse:  Sinto muito, filho.
 Eu sei, eu também sinto.
 Mas isso não te dá o direito de agir como um babaca, o.k? E não me olhe assim, digo tanto por Joe quanto por Selena. Sua mulher está devastada, sua mãe ainda está lá dentro falando com ela e tentando acalma-la. Você precisa ser forte por você e por ela, se não for, sinceramente não sei onde vocês dois irão parar!

 Será que ninguém entendeu como eu me senti? Ele escondeu de mim!
 Fez isso para proteger Selena. Se ele tivesse contado, você ficaria com raiva dela, assim como ficou com raiva do seu irmão.  Nick o encarrou.
 Eu nunca levantaria a mão para Selena.

 Não coloque palavras na minha boca, não foi isso o que eu disse.
 Me desculpe.

 Você ficaria com raiva e se deixaria levar por suas emoções... Não acho que seria capaz de agredi-la, mas suas palavras seriam como um tapa na cara! Ela não envolveu seu irmão nessa história para te substituir ou coisa do tipo, ele estava lá... apenas estava lá e socorreu ela.
 Eu já conversei com ele, ele me desculpou.
 Era o que você precisava e ele te deu isso, mesmo que ainda não estivesse pronto.

 Isso é para que eu me sinta pior?
 Não, mas é para que você realmente pense nas suas atitudes e mude elas. Seja o marido que sua esposa precisa!
 Eu vou ser, juro.

 Filho, eu e sua mãe já passamos por isso.  Paul sorriu fraco  Nós teríamos uma linda garotinha, mas infelizmente sua mãe presenciou uma briga ou foi um acidente, não me lembro ao certo e acabou abortando. Foi algo muito difícil tanto pra mim, quanto para ela. Mais ainda para ela! Denise se culpou durante muito tempo e tive que ser paciente, ir quebrando aquela casta aos poucos. Eramos jovens, o médico disse que poderíamos tentar outra vez, mas ela estava com muito medo.
 Por isso somos três?
 Não, depois de um tempo ela engravidou outra vez e você nasceu.  Paul sorriu e Nick começou a chorar.  Está tudo bem, filho.  Afagou-lhe as costas  Vocês ainda são jovens e sei que vão ter muitos filhos! Mas seja paciente, cuide da sua esposa, faça com que ela se sinta segura... vocês vão saber o momento de tentar outra vez. O.k?
 Obrigado, pai.  Denise saiu e sorriu para eles.

 Tudo bem por aqui?  Paul assentiu  Ela esta esperando por você, Nicholas.  Nick estendeu uma das mãos e quando a mãe segurou, ele lhe abraçou pela cintura. Ela depositou um beijo no topo da cabeça dele e afagou-lhe os cabelos.
 Obrigado por ter cuidado dela, mamãe.  Ele partiu o abraço.
 Tudo bem, filho. Se precisar de mais alguma coisa é só ligar, o.k? Fique bem.  Ela despediu-se e Paul fez o mesmo.
 Boa noite.  Nick esboçou um sorriso fraco e esperou até que o portão fechasse totalmente para entrar em casa.

          Tudo estava silencioso e mesmo o piso não sendo de madeira, o barulho de seus passos faziam eco em seus ouvidos! Subiu as escadas sentindo um certo pesar, queria se jogar aos pés de Selena e pedir mil desculpas, sinceras desculpas. Caminhou pelo corredor e parou ao vê-la sentada no chão, ainda vestia o vestido da apresentação no festival. Ela segurava dois sapatinhos pequenos e brancos, Nick supos que seria parte da surpresa que ela estava organizando.  Como foi com Joseph?  Selena perguntou sem desviar os olhos dos sapatinhos.
 Bem, foi tudo... bem.  Ela assentiu e ele se aproximou devagar, nunca tinha visto Selena tão frágil antes.
 E seus pais?
 Eles já foram embora.  Nick sentou-se de frente com ela no chão e esperou que o olhar dela se voltasse para ele, mas isso não aconteceu. Esticou uma das mãos e tocou a dela por cima dos sapatinhos, Selena pareceu despertar de um transe e olhou diretamente para ele.  Podemos conversar sobre o que aconteceu?

 Vai gritar comigo?
 Você sabe que não, amor.
 Não, eu não sei.  Ela respondeu baixinho  Você me assustou, Nicholas.
 Muitas coisas estavam passando pela minha cabeça naquele momento, Selly. Eu perdi o controle! Não me orgulho de como agi com Joe e com você, sei que não foi justo, mas não pude controlar.  Ele apertou de leve a mão dela, o toque era reconfortante para si.  Foi um baque muito grande, como se tivessem me acertado com força no peito... como se algo transpassasse meu coração!  Nick fechou os olhos e fez uma pausa, o gosto amargo das lágrimas estava voltando.  É um sonho tão meu quanto seu e... foi... foi como se tudo se tornasse cinzas bem na minha frente.

 Nick, eu estou com muito medo.  Ela engatinhou para os braços dele, como uma criança assustada. Encolheu-se ali enquanto os braços dele passavam em torno dela, Selena chorava outra vez e ele não conseguiu conter as próprias lágrimas!
 Shhh... não tem o que temer, estou aqui.  Beijou-lhe o topo da cabeça.
 E se não... se não pudermos ter outro filho?

 O que os médicos disseram pra você?
 Eu não sei... não sei! Meu Deus, eu me sinto tão culpada...  Ela soluçou e levou uma das mãos até a boca.
 Fica calma, Sel. Não tem problema você não saber, o.k? Nós vamos ao médico juntos, vamos conversar e saber quais são nossas chances.  Nick surpreendeu-se com o próprio tom de voz calmo. Isso mesmo, seja forte! Disse para si mesmo.  Não foi culpa sua, não foi. Está me ouvindo?

 Eu matei ele.  Ela sussurrou bem baixinho, mas Nick ouviu.
 Você não fez nada disso!  Nicholas fez com que ela o olhasse nos olhos, disse aquilo com determinação e sentiu ela relaxar aos poucos em seus braços.  Ele apenas se foi, mas não deixa de ser nosso. Certo?  Selena assentiu.
 Eu me sinto péssima, sabe? Sua mãe esteve aqui, foi tão paciente e carinhosa comigo, ela me contou que já passou por isso. Disse que na época foi um golpe duro para ela e que foi uma fase difícil, mas que seu pai foi uma fortaleza para ela! Sua mãe me garantiu que tudo ficaria bem e que você cuidaria de mim.  Ela fez uma pausa e Nick assentiu para que ela continuasse, lágrimas ainda escorriam pelas bochechas dele.  Acreditei, juro que acreditei fielmente em cada palavra do que ela disse. Mas só foi ela sair que tudo voltou! A culpa, o medo... dizem que o tempo cura, mas a questão é: quanto tempo até que isso aconteça? Eu estou desesperada, Nick! Temos uma relação incrível, nosso casamento é maravilhoso... não quero acabar com ele estando assim, eu só...

 Você não deve se cobrar tanto, Selena.  Nick afagou-lhe os cabelos  Você tem todo o direito de chorar por essa perda, assim como eu tenho e vamos fazer isso juntos. Vamos respeitar esse tempo, respeitar nosso espaço... Quero cuidar de você, amor. Quero que você se sinta segura outra vez, o.k? E não se preocupe, vai ficar tudo bem. Nós vamos ficar bem!
 Obrigada.  Ela sorriu para ele e Nick apertou um pouco mais os braços em torno dela.
 Eu te amo e prometo que vou dar o meu melhor por você.
 Eu também te amo e agradeço por isso, você já está sendo exatamente o melhor que preciso.

--

aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
gente, eu estou total e completamente sem estruturas. mas prometo que coisas boas ainda vão acontecer por aqui. o.k? tenham fé. 😉
respostas aqui 
espero que tenham gostado desse capítulo, sério. não faço ideia do que escrever no próximo, então preciso correr atrás disso sjdudff até o próximo, amores. beijos! 

Resultado de imagem para nick jonas gifs 2016 Resultado de imagem para nick jonas gifs 2016

uma amizade dessas bicho

17 comentários:

  1. meu deus, q capitulo foi esse????
    eu nem acredito q os dois se acertaram! finalmente explicaram tudo um pro outro, to derretida ate agora ❤
    achei essa era cão do nick muito pesada. n era obrigação do Joe contar, apesar de ser uma situação complicada e tal. mas fico feliz q isso ja foi resolvido...
    alias, amei essa conversa do nick com os pais!
    as crianças alheias a tudo...
    eu acho q alguém q n deveria ouvir, ouviu o nick falar q joe e Demi eram uma farsa.... to sentindo aqui dentro de mim
    quero pegar a Selena e abraçar ate ela ficar bem. deve ser realmente muito difícil - pro nick tb - é ela ta se culpando por isso... ai
    amor, eu amei. a espera com certeza valeu a pena!
    mal posso esperar para o próximo haha
    posta logo <3
    beijos, amo vc ❤❤❤

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando eu terminei de escrever, tive a mesma reação! sdjsdj
      Por hora sim, mas vamos ver até quando vai durar essa trégua.
      A reação do Nick já estava nos planos, mas a conversa com os pais não e amei como as coisas fluíram <3
      Só posso dizer que em breve elas vão descobrir...
      Você sentiu certinho, aaaaa vai ser uma das melhores tretas dessa fanfic!
      Vamos ver nos próximos capítulos como eles vão lidar com isso, vou tentar focar na situação deles também...
      Aaaaah, fico feliz que tenha gostado!
      Postarei assim que puder.
      Beijos, tbm te amo :)

      Excluir
  2. Não sei o que falar,não tenho estrutura pra isso,só queria pegar eles e colocar num potinho,você vai acabar me matando com suas histórias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Socorro!
      Fico feliz que esteja gostando <3
      Muita calma nessa hora que você ainda precisa acompanhar as demais tretas, hein sdjsdj

      Excluir
  3. uma paz de espírito me atingiu depois deles se resolver, mas algo me diz que ainda não tá tudo resolvido entre eles. o Joe ainda não reconheceu o erro dele mas as complicações de antes da selena perder o bebê ficaram tão pequenas que eu espero que isso nem volte a atormentar...o que eu duvido muito pq ainda tem body say kkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mulheeeer, tem tanta bomba vindo ai que nem sei o que dizer! sdjsdj maaaas eles realmente vão tentar começar de novo, vai ter um capítulo sobre isso em breve.
      O que aconteceu com a Selena vai ser comentado pela mídia, então vamos ver como eles vão lidar com tudo... vou tentar focar neles! ;)
      #SÓVEMBODYSAY

      Excluir
  4. Pega fogo cabaré
    Menina eu vou dizer bem aqui um negócio, nunca gostei do Nick sempre achei ele escrotinho desde da primeira temporada. E agora ele tá sendo mais otário
    E sobre jem, jurava que eles iriam fazer outro bebê agora. To querendo babys pra ontem kk
    Ta tudo massa
    Posta logooo
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ADOROOOOOO!
      A reação dele já estava bem planejada aqui que quando escrevi nem acreditei, ele disse muita merda, mas vamos ter um momento de reflexão sobre isso. Pq o que o Paul disse é verdade, o Joe desculpou pq ele precisava daquilo naquele momento, mas ainda está chateado com tudo o que aconteceu e da forma como aconteceu.
      Eu vou pensar com carinho nos babys, pode deixar ;)
      Postarei assim que puder, bjs <3

      Excluir
  5. FINALMENTE SE ACERTARAMMMM HEIN
    Quero uma cena chamego entre os dois, bem carinhosinha mesmo para me fazer esquecer a fase ruim LOL
    Adorei, como sempre
    ansiosa para o próximo af
    Xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E que venha um beby logo né!

      Excluir
    2. Eu estou até com medo de ver todo mundo comemorando, pq ainda tem tanta bomba... quando elas explodirem prevejo as pedras voando na minha direção! sdjsdj enfim, vai ter mais cenas de chamego sim pq é disso que eu e o povo gosta <3
      Postarei assim que puder, xoxo.

      Excluir
  6. Por favor posta logo eu quero saber o que vai dar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela gosta de nos ver sofrer! Kkkkk

      Excluir
    2. TÁ CHEGANDO, AAAAAAAAAAA!

      Excluir