30/04/2013

Capitulo 8





" Pertenço a você, você pertence a mim. "

~3:30 da manhã

" Viro de um lado para o outro e não consigo dormir, aqueles olhos ainda estão na minha cabeça e sua voz ainda ecoa no meu ouvido. Por que me sinto estranha em relação a esse garoto, ok Bruna se acalma, ele quer te ver de novo e provavelmente vocês serão bons amigos. Eu tenho poucos mais os verdadeiros, tenho um bom pressentimento sobre ele, seu sorriso é um dos mais sinceros que já vi... Ele parece gostar de mim!"
Após colocar para fora um pouco do que sentia ela guardou o diário na gaveta do quarto e se deitou na tentativa frustrada de dormir.

[Demi]

Abri os olhos e Joseph me observava como de costume. Pisco algumas vezes até focaliza-lo lindo e gostoso sem camisa. Coro com meus pensamentos pervertidos. Meus cabelos estão espalhados no travesseiro, Joe brinca com eles e sorri pra mim.
-Você é uma visão do paraíso! –Pisco para ele e abro um enorme sorriso. –Bom dia.  –Seu hálito cheira a menta, ele inclina e me beija a minha testa. –Bom dia. –Beijo igualmente sua testa, não quero que ele lide com meu bafo matinal. Levanto-me e caminho até o banheiro e faço minha higiene matinal, quando saio do banheiro Joe não esta na cama. Faço uma pequena carranca e vou até meu closet desfazendo de minha camisola deixando que ela escorregar até o chão, procuro por um vestido casual nada muito exagerado. Pego um azul e um preto, precisava da opinião de alguém, suspiro.
 
-O preto. –Joe me abraça por trás, hm... Seus braços em torno de mim!  Sorri pro nada. –Você fica quente de preto. –Diz plantando um beijo em minha nuca.
-Se eu ficar quente de preto o senhor não trabalha hoje. –Ele ri.
-Eu não quero trabalhar mesmo. –Dá de ombros e fica de frente comigo, segura meu queixo e beija meus lábios de forma quente. Os vestidos caem de minha mão no chão, ele me encosta no pilar do closet e roça seu corpo ao meu enquanto sua língua passeia livremente na minha boca. –O que faço com você? Você me tira do sério. –Beija meu pescoço e eu ofego.
 
-Faça amor comigo! Agora. –Respondo sentindo um arrepio percorrer minha espinha quando ele num puxão abre a própria blusa. Ele esta vestindo uma bermuda bege clara um pouco folgada deixando o elástico de sua boxer á mostra, mordo meu lábio inferior enquanto ele me carrega de volta pra cama.
-Eu esperava ansiosamente por essa resposta Sra. Jonas! –Morde minha orelha, ele tem seus braços apoiados no colchão sustentando seu peso que vem aos poucos sobre meu corpo delicadamente, a sensação de sua pele contra a minha é eletrizante. Ele me olha fixamente nos olhos antes de beijar prensando seu corpo contra o meu no colchão, ele estava quente. 

Sua pele em contato direta com a minha agora me causava alguns choques deliciosos fazendo-me arrepiar, seus beijos doces e molhados em meus seios... Ó Joseph como poderia viver longe de você? Lembro-me de nossa briga. Aperto seus cabelos entre meus dedos e jogo a cabeça para trás eu o amo tanto, ele não faz ideia, ou talvez faça. Seus beijos descem abaixo do meu seio, pela minha barriga, sinto aquele friozinho no estomago é uma sensação tão boa. Ele passa sua língua em meu umbigo e seus beijos descem para... Ó minha nossa!
-Jo- Jose- Joseph! –Solto seu nome num gemido alto, ele olha para mim com os olhos semicerrados e os cabelos bagunçados, meu pequeno homenzinho. Ele beija meus lábios novamente e cola sua testa na minha. –Eu te amo Joe. –Passo minhas unhas por sua barba mal feita Joe pisca um pouco para mim, seus olhos quentes e brilhosos fitam os meus por alguns segundos.
 
Ele se joga ao meu lado e sussurra em meu ouvido. –Me tome, por favor. –Ele estende sua mão para mim, passo uma perna de cada lado ainda segurando em sua mão. Lhe trago para dentro de mim sem pensar duas vezes, ele joga sua cabeça para trás e seu corpo forma um arco glorioso, seus músculos contraem com meu toque, ele se afunda de novo no colchão.
-Ó Demetria, eu também te amo. –Ele diz apertando meus quadris enquanto me movimento lentamente, ele delirava. Tenho minhas mãos em seu peitoral definido, onde passo minhas unhas lhe provocando. Fecho meus olhos e me sinto tão completa e amada. Aos poucos me inclino para beija-lo, ele aproveita para tomar seu devido lugar sobre mim, sua posse é feita de movimentos mais rápidos e carinhosos ao mesmo tempo. Joe nunca me decepciona, eu nunca me canso dele!
 
-Ó querida, eu quero ouvir você! –Seus movimentos ficam mais lentos e torturantes.
-Jo- Joseph! –Grito gravando minhas unhas em suas costas. –Ó querido. –Fecho meus olhos enquanto solto alguns gemidos altos de amor e prazer.
 -De- Demetria eu... –Coloco meu dedo indicador em seus lábios.
-Não pare. –Peço arranhando levemente suas costas, ele obedece e conseguimos chegar ao nosso ápice juntos. Ele enterra seu rosto em meu pescoço e ofega. –Você é incrível Joseph, eu nunca me canso de você querido.
-Você ainda me mata do coração. –Sai de dentro de mim e se joga ao meu lado. –Sente. –Coloca minha mão sobre o lado direito. Sinto seu coração ir aos trancos e barrancos pulsando fortemente. –Só você faz isso comigo amor, só você! Minhas pernas estão moles, elas tremem...
 
-Óh Joe. –Beijo sua cicatriz ao lado esquerdo no seu peito e em seguida seus lábios. –Você sabe como agradar uma mulher. –Meus olhos brilham.
-Errado, sei agradar você. Apenas você Sra. Jonas. –Me puxa para seus braços e beija o topo da minha cabeça. –Já são 09:35, estamos aqui a quase 2 maravilhosas horas, precisamos descer Demetria. –Seu sorriso é radiante.
-Eu sei, vamos para uma ducha rápida e depois descemos.
-Só por precaução ponha o azul ok? -Diz rindo enquanto vamos para o banheiro juntos.

 [Joe]

Descemos abraçados para o andar de baixo prontos para um café da manhã que suprisse nossas energias muito bem gastas á 10 minutos atrás. Quando entramos na sala de refeições tomamos um pequeno susto ao ver Bruna com a cabeça encostada na mesa e os braços em volta da cabeça, ela dormia tranquilamente. Aproximei-me e afaguei levemente suas costas.
-Bruna. –Nada. –Amor... Acorda! –Ela se mexe e vem pro meu colo.
-Ela parece cansada, deixe-a dormindo ela não precisa ir é aula hoje. –Demi beija sua testa. –Leve-a para cima antes que ela acorde. Eu caminho com cuidado para não acorda-la, minha menina. Chego no quarto, a coloco sobre a cama e a cubro. Ela se aconchega em suas cobertas e dorme. Fecho as cortinas antes de sair. Volto ao andar debaixo e vejo Demi de braços cruzados conversando com uma de nossas empregadas, ela dispensa e se senta comigo.
 
-Ela me disse que Bruna comentou com ela que não dormiu muito bem noite passada e que estava com insônia.
-Insônia? Ela é muito nova para insônia. –Demi dá de ombros e parece pensar em algo mais não me diz. Odeio quando isso acontece, fecho um pouco minha cara.
-O que foi?
-Não vai mesmo me dizer?
-Dizer o que?
-O que pensou!
-Não pensei em nada a não ser. –Interrompo.
-A não ser que? –Franzi o cenho.
 
- Que a dança mexeu com o coração da nossa garotinha, só isso. –Aperta minha mão e meu sangue ferve.
-Ela pode namorar qualquer um! Menos aquele garoto.
-Joe ele não tem culpa de ter o pai que tem. –Aperta minha mão ela sempre quer me mostrar o lado bom das coisas, eu me sinto nervoso mais sei que se eu decepciona-la novamente eu sou capaz de fazer uma loucura comigo mesmo. Beijo as costas de sua mão.
 
-Não vamos falar sobre algo que não temos nenhuma certeza, não quero destruir uma manhã que começou. –Falta-me palavras. – Que começou maravilhosamente bem! -Demi cora com minhas palavras que tem um tom pervertido, eu sei que ela gosta. Tomamos café sem pressa alguma falavamos animadamente sobre os resultados obtidos no leilão.

[Não muito longe dali]

[Autora]

Henrique desce apenas de calça moletom e cabelos bagunçados devido a fara da noite anterior, ele só esta assim por que Elena sua ex-mulher esta vindo buscar Stefan para passar o fim de semana com ela. Ele adora provoca-la, de maneira ou de outra ela sempre cai. Ele vai para a cozinha e leva um susto com Stefan que meche seu achocolatado no leite com os olhos semicerrados e bocejando, ele acende a luz e Stefan resmunga.
 
-O que houve com você? Saiu de madrugada para vadiar?
-Eu não sou você pai. -Henrique ri do tom do garoto.
-Quando você parar de me odiar vai ver o quanto eu tento lhe entender Stefan. –Bagunça os cabelos do garoto. –Alias bela jogada com aquela garota.
-Não é uma jogada.
-Se você a quer. –Ele escolhe os ombros. –Não posso impedir você. –Stefan arqueia a sobrancelha. -Depois de 55 mil, essa garota deve ser. –Alguém bate na porta da dispensa.
-Com licença. –Elena sorri para Stefan. –Interrompo?
-Claro que não mãe. –Stefan a abraça forte e por muito pouco não lhe tira do chão.

-Hmmmm... Meu menino! –Beija sua testa. –Já arrumou suas coisas?
-Sim, eu vou pegar e já volto. –Sai.
-Falando mal de mim aposto!
-Na verdade era sobre uma garota que ele conheceu. Admira-me que ele esteja falando comigo. -Ela arruma a alça da bolsa e olha e forma nervosa para ele.
 
-Falamos sobre você, ele não pode ter raiva de você nos decidimos isso então... Na lógica a culpa é nossa.  –Ela se sentia atraída por aquele corpo sarado e perfeito a sua frente, mais lutava contra a tentação!
Foco Elena! FOCO. –Seu subconsciente gritava para ela, ela pisca um pouco e nota Henrique lhe observando.
-Hmmm. –Ele morde o lábio inferior a olhando de cima a baixo. –Você é patético. –Bufa e sai da cozinha, Stefan se despede de Henrique e segue a mãe entre bocejos até o carro.
-A quem estou tentando enganar? Eu preciso dessa mulher de volta!

"Você é minha doce amada. "

*---------------------------*

Então... Eu deitei e estava sem sono e pensei acho que vou compensar aquele hot que ficou minusculo, ainda escrevo um melhor! Mesmo assim espero que tenham gostado. Eu estava aqui pensando e então... A Thalya tem razão, a Bruna que vai contar essa historia gente as vezes eu não sei o que dá em mim mais eu fico meio que em duvida se po~e ou tira, se tá bom ou não tá... To paranoica só pode. Ás vezes as pessoas me falam para não deixar como principal e vira tudo uma bagunça e as vezes eu nem sei como escrever direito e.... Preciso me acalmar. Vou escrever o capitulo 9 e terminar o 10! Enquanto isso vou curtindo "Ho Hey- The Lumineers" Virou um vicio e me inspirei naquela musica para este capitulo! 


"Vou fazer o melhor que eu posso para que vocês gostem ainda mais dessa fic... Prometo!"

12 comentários:

  1. annnw, ta lindo demais u_u annw Bruna se apaixonado :33
    Posta logo, ta lindo demais, xo

    ResponderExcluir
  2. Bela forma de começar o dia hein??
    Posta logo!please!

    ResponderExcluir
  3. Heeeeeeeey Pretty!
    Tudo bem?
    Falei que vinha e vim!
    E dessa vez deu pa eu comentar e tals e...
    Na minha opinião, acho ue ficaria bem legal se a Bruna contasse essa história! Afinal, as coisas que irão acontecer para ela, irão provocar uma sensação nova, um sentimento novo!
    Não que com o casal isso não ocorra, mas ela ainda é bem nova e a vida ainda tem muita coisa para mostra-la, sem contar que o ponto de vista de uma garota nessa idade é bem diferente do que o de uma mãe ou pai da mesma!
    A história é bem interessante e não importa quem a conte, ela sempre vai prender os leitores, sempre vai deixá-los com gostinho de quero mais!
    Enfim, acho que ela está perfeita, não fica de paranoia, ela está perfeita, ela é perfeita!
    Só não desfoca muito pro lado dela, porque ela vai ter meio que uma "paixão proibida", e vai ser adrenalina, o que os pais de ambos vão achar e tals, então não muda a maneira de escrever, tá perfeito assim!
    Tá, agora vamos analisar!
    05- Imaginei o Joe daquele jeitinho...
    Bateu um calor de repente né? ~~le tarada~~
    Mdds Demi meu amor, perdoa! Faz bem, quem ama perdoa!
    Caraca, é mal de Bruna, eu amo pizza de queijo! Tipo, queijo, pra mim, é a coisa mais maravilhosa do mundo! Na parte alimentícia, lógico!
    E Romeu & Julieta...Romântico sz'
    Hashtag: #JoséLeitorDeMentes!
    mas gENTE!
    Isso me fez lembrar que eu tenho que ver a tradução de Pom Poms!
    Eu vou ler até o fim desse comentário, tenha fé!
    Eu quero saber...É menino ou menina? Seria muito fofo se fosse um menininho ;3
    Ti fofo *--*
    José deve ser uma sedução de cabelos grisalhos! Hoje eu estou atacada, Jesus!
    Huum que safadêêêêênhoos! No escritório :o
    uhusahsuhsuh'
    O capítulo tá perfeito!

    06- Esse Joseph é um safado! Minha nossa, que isso? Gente, acho que...seilá...a água que ele toma deve ter uma substância que ajuda na safadeza, só pode!
    Como que ele consegue? Bom, com a Demi é impossível não ser safada (o) :s
    Não deu pra ver a foto da Elizabeth ~~nome da minha professora de português o_O~~ :(
    Masok, née?
    Daora os nomes que eles falaram!
    Eu ia te matar Jéssica, se você colocasse Raimundo ou Raimunda! Gente, isso não é nome! ~~sem ofensas aos nomeados desse nome :s~~ Tipo, é estranho :ss
    Já se fosse Eddie, eu ia gostar :pp
    Capítulo perfeito!

    07- Uiui Demi determinada!
    Toma Henrique, a casa é deles :P ~~le mostra a língua~~
    Seria muito estranho se eu te falasse, que a minha vizinha e ex-melhor amiga ou amiga se chama Amanda? Poisé, esse é o nome!
    Eu moro no bloco 1 e ela no 2 o mesmo prédio, a mãe dela brigou com a minha e ela parou de falar comigo :'(
    Mas tudo bem! Acho que a amizade das duas vai ser bem melhor que essa minha!
    Tenho saudades dela :(
    Enfim, bora voltar pra fic?
    Caraca, nesse daee eu boto fé!
    É bom o Stefan não a machucar senão eu dou uns pau nele!
    uhaushsuhsuhsu'
    Capítulo perfeito!

    08- Meu Deus, como tu consegue?
    Capítulo 8 e dois hots! Mas gente, que isso? Eu me matei pra escrever o meu >.<
    Masok!
    Até que eles acordam bem dispostos de manhã!
    Eu não acordo com disposição nem pra levantar enquanto eles...
    A Bruna ~~estranho escrever meu nome e me referir a outra pessoa~~ ta começando a gostar do Stefan, assim como ele começando a gostar dela!
    ADOROOOOOO!
    suahsauhsushush'
    O capítulo tá perfeito!
    Não sei se posto hoje, mas...
    Agora deixa eu ir, vou tomar banhoow!
    Beijooox :**
    POSTA LOGOOO!
    Love ya, pretty girl <3 ~~sorvetinhoo~~
    Bruuuuuuuuuuuuuuuuuuh ;33

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por vir e amo seus comentarios só para constar! >.<
      Como eu consigo? Vamos lá kkk
      Eu estou assim deitada e do nada me vem um flash kkkkk ~não sou vidente~ geralmente depois que se escreve o primeiro vocÊ sempre quer escrever um melhor por que você quer que as pessoas gostem, mais as vezes quando a pessoa diz... A ta bom posta logo não ajuda muito não acha? ~ta isso foi um pequeno momento de revolta, respire fundo Jéssica! Ufffffz~ Mais eu sempre leio e releio alguns hot's de algumas fics que eu gosto... Ajuda muito ~fica a dica ai kkk~ Sem contar as musicas!

      Excluir
  4. oi oi oi !!!
    arrasou !!!!
    foi exatamente o
    que eu esperava
    desse capítulo <3 <3 <3 .
    tá muito perfeito <3
    Você é minha doce amada,minha alegria,meu canto de fada....e o amor que meche com minha cabeça,e me deixa assim....~kkkkkkk`k parei~
    posta logoo amora >.<
    beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ho heyyyyyyyyyy!
      Não fuiii a unica gloria a Deus kkkkkkkkkk!
      Eu tipo tive um heart attack escutando essa musica, virou vicio!
      Que bom que você gostou... Estou aqui para agradar Senhorita Alessandrademi! kkkkkkk

      Excluir
  5. ok,já sei que seu ponto de vista na hora de fazer hot é tornar a coisa beeemmmmm sensual,mas se me permite te dar uma dica: tenta colocar um pouco mais de sentimento em cada ato,narrando o que eles sentiram em cada segundo,simplesmente dizer as ações é óbvio que você consegue,mas do jeito que eu te falei,sem querer me gabar,vai tornar a coisa mais amável e não parecendo uma simples atração carnal dos dois,entende? Espero ter ajudado.kkkkk
    E,em relação às pessoas te falando sobre a fic,eu sei como é,fizeram isso comigo em Para sempre nós,não era pra funcionar e eu percebi que tava fazendo a vontade dos outros em continuar,por isso comecei uma nova!;)
    mas pensa se com outros personagens principais você se tem mais liberdade mental na hora de escrever,ok??
    posta logo
    bjks

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi minha intensão sim devo admitir...
      Entendo, pelo menos tem alguem que é você que etsame ajudando por que ultimamente esta dificil pra mim achar alguem que de opinião que preste não falo das minhas seguidoras do blogger mais gente de fora dele que as vezes me deixão... Bem PUTA da vida por que quando eu faço algo que preste de alguma forma eles me atrapalhão!
      Ok! Vou pensar bem sobre isso Vlw :)

      Excluir
  6. Mana esse capítulo foi tipo WOOOW.
    Adorei TODAS AS PARTES, cada PEDAÇO, cada MOMENTO!! Eita to meio tarada!!
    kkkkkkkkk
    To esperando o próximo capítulo... E foi mal por eu não ter comentado nos outros capítulos eu estou ocupada, mas quando der pra comentar eu vou!!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkk!
      Taradonaaaaaaaaa ~ somos duas...~
      Qe isso quando puder esteja aqui :)
      >.<

      Excluir